A advocacia Garcez esteve presente no VII workshop organizado pela CEELE (Comissão Especial de Energia Elétrica ) da OAB/RJ. Compareceram as advogadas Carolina Romay, Maria Clara Araújo, Renata Freire e o estagiário Bernardo Fialho. No período da manhã, engenheiros e economistas vinculados ao setor de energia, falaram
sobre o modelo atual e apresentaram algumas propostas. Foi destacada a possibilidade de implementação de livre mercado na geração de energia, além de comentários à Consulta Pública MEE 033/2017. Dentre as críticas apresentadas pelas duas mesas, foi mencionada a necessidade de se combater a judicialização do setor elétrico, sugerindo-se, até mesmo, a criação de varas especializadas nos tribunais.
O representante da ANEEL apresentou críticas duras a atuação do judiciário, mencionando, inclusive, recente reunião com magistrados do TRF-1. Por fim, representante no BNDES reafirmou o compromisso do banco com o investimento contínuo na área.
Os advogados compareceram, ainda, ao ato realizado pelos grupos de resistência à privatização, que, em conjunto com representantes da OAB/RJ, protocolaram carta requerendo pronunciamento da entidade contra a privatização da Eletrobrás.